Comissão Nacional de Clubes se aproxima de acordo para distribuir premiação a rebaixados no Brasileiro; Campello comenta


Em novo encontro na sede da CBF, no Rio de Janeiro, nesta segunda-feira, os integrantes da Comissão Nacional de Clubes se aproximaram de acordo para distribuir a premiação também a times rebaixados no Brasileirão.

A proposta é de que todos os clubes passem a receber premiação. Anteriormente parava no 16º colocado. Quem caía para a Série B não recebia nada. O encontrou aprovou mudanças. Os integrantes da maioria dos clubes da primeira divisão nacional foram unânimes à mudança.

Os clubes receberam os valores das premiações na reunião desta segunda. Eles vão de cerca de R$ 4,6 milhões para o vigésimo colocado, até cerca de R$ 31,7 milhões para o campeão nacional. A decisão será aprovada na reunião do conselho técnico, no próximo dia 27.

O presidente do Vasco e da comissão, Alexandre Campello, falou sobre os valores discutidos na reunião.

– Foi proposto uma nova tabela, que começa com 4,6 milhões para o último colocado e termina com 31 milhões para o campeão. Houve a aceitação de forma unânime pelos presentes na reunião. Agora é colher a assinatura desses clubes presentes e ver se esses quatro ou cinco que estavam aqui aceitam essa proposta. Pelo que entendemos de reuniões anteriores não há objeção de nenhum clube.

O presidente do Bahia, Guilherme Bellintani, falou sobre as propostas que o Tricolor têm em mãos para os direitos de transmissão internacionais. As ofertas são de três empresas (TNV Sports, Betsul e IMG, que é a que mais agradou o clube baiano).

– Tem projeção, mas é tudo muito especulativo. Se fala em pelo menos R$ 5 milhões, uma projeção bem conservadora.

Fonte: GloboEsporte.com

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠