Veja quanto o Vasco vai ganhar do Premiere da Globo no Brasileirão


“A divisão do dinheiro do pay-per-view do Brasileirão em 2019 ainda será no modelo tradicional: baseada em pesquisas de torcidas feitas pelo Ibope. Realizadas no ano passado, as aferições mostram Flamengo e Corinthians como campeões de adeptos, seguidos de São Paulo, Palmeiras, Vasco e Grêmio. O Athletico é apenas o 16º, em último, atrás do Vitória, com 1%.  Veja a tabela completa no final do texto.”

“A posição prejudica o clube nas negociações para os direitos de transmissão do PPV, que estão momentaneamente paradas. Neste ano, a previsão mínima de arrecadação do Premiere é de R$ 650 milhões, divididos como uma pirâmide: quem tem mais torcida ganha mais.”

“A emissora carioca ofereceu R$ 20 milhões em luvas para o Athletico assinar o PPV, segundo apurou a Gazeta do Povo, mesmo patamar que pagou para clubes como Bahia e Botafogo. O Athletico achou pouco e pediu R$ 40 milhões, como a Gazeta noticiou em maio, o mesmo montante que a Turner pagou pela assinatura dos direitos de TV por assinatura, em 2016.

“A Globo recusou e tentou explicar seus pontos para o Furacão, que encerrou as conversas por ora. A emissora reconhece o crescimento esportivo do clube paranaense, mas afirmou que a presença do torcedor do Athletico no Premiere é baixa. Dos 2 milhões de assinantes legalizados do pay-per-view, o Athletico tem menos de 10 mil que declararam torcer para o clube no ato da assinatura. É abaixo, por exemplo, do número do Bahia, que hoje tem 12 mil torcedores-assinantes.

É esse modelo de declaração na assinatura que será usado para dividir o dinheiro do pay-per-view em 2020. Clubes já estão se organizando para esclarecer ainda mais o seu torcedor da importância disso. O pioneiro foi o Bahia, que na semana passada, realizou um mutirão nas ruas de Salvador (BA) para angariar novos torcedores-assinantes.”

“Quem já tinha Premiere e não declarou torcida ao Bahia foi orientado a fazer isso na hora e ganhou brindes. O tricolor baiano projeta ter 60 mil torcedores-assinantes. Ou seja, 48 mil ainda não disseram torcer para o Bahia. O Esquadrão de Aço pretende ganhar R$ 20 milhões extras caso consiga atingir a sua projeção em 2020.

Além da baixa adesão de declaração da torcida, a pesquisa Ibope para a divisão do dinheiro em 2019 também não ajuda o Athletico. O clube tem apenas 1% dos torcedores nas grandes capitais, com pouco menos de 2 milhões de torcedores. Está atrás do Vitória, time baiano que, atualmente, é lanterna da Série B do Brasileirão. Ou seja, sua importância para o pay-per-view ainda não é grande.”

“Pelas projeções deste ano, se assinar com a Globo, o Athletico ganharia, só com o Premiere, pelo menos R$ 6,5 milhões. É muito abaixo dos campeões de torcida, Flamengo e Corinthians, que devem ganhar R$ 149,5 e R$ 123,5 milhões, respectivamente. Por contrato, o Rubro Negro e o Timão tem garantidos que serão os que mais ganharão dinheiro com o pay-per-view.

Confira a divisão e projeção de pagamento do pay-per-view de acordo com a pesquisa Ibope: 

23,0% – Flamengo (R$ 149,5 mi)
19,0% – Corinthians (R$ 123,5 mi)
10,0% – São Paulo (R$ 65,0 mi)
9,0% – Palmeiras (R$ 58,5 mi)
6,0% – Vasco (R$ 39,0 mi)
4,0% – Santos e Grêmio (R$ 26,0 mi)
3,0% – Atlético-MG, Cruzeiro e Inter (R$ 19,5 mi)
2,4% – Sport e Fluminense (R$ 15,6 mi)
2,0% – Bahia e Botafogo (R$ 13,0 mi)
1,1% – Vitória (R$ 7,15 mi)
1,0% – ATHLETICO (R$ 6,5 mi)”

Fonte: Gazzeta Esportiva

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Gigante. Confira os novos planos!

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠