Copa América 2020: ao contrário do Qatar, China não quer jogar, e Conmebol busca convidado


A menos de um mês da edição deste ano da Copa América, no Brasil, a Conmebol já se vê em prazos curtos para definir os rumos do torneio de 2020, que será na Argentina e na Colômbia. Essa lacuna, inclusive, tem a ver com os países participantes. Enquanto o Qatar já aceitou o convite para jogar a competição pela segunda vez, a China rejeitou.

A Conmebol ainda não confirma o status dos convidados, mas o GLOBO apurou que a ressalva dos chineses é o temor de passar vergonha em solo sul-americano, já que a disparidade técnica é muito grande.

Para os qataris, é importante colocar a seleção à prova pensando na preparação para não fazer feio na Copa do Mundo de 2022. A aceitação do convite amplia a relação política entre o Qatar e a Conmebol. A principal companhia aérea do país já patrocina a Libertadores.

— Há futuro para a América do Sul ao se aproximar de outras confederações. Não só o Qatar. Temos mais relações com África, Ásia e Oceania. Os qataris que se aproximaram da Conmebol. Eles são campeões da Copa da Ásia e são bem-vindos à Copa América — disse o presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez.

Na próxima reunião do Conselho da Conmebol, em Paris, no começo de junho, é esperada ainda a definição sobre o local da fase mata-mata da Copa América-2020. Será apenas em um país.Copa do MundoOutro tema que envolve Qatar e Conmebol é o número de participantes da Copa do Mundo de 2022. Foi a entidade sul-americana quem oficialmente sugeriu a antecipação do aumento para 48 seleções. Mas o próprio presidente Alejandro Domínguez anda pessimista sobre o tema.

– Isso depende mais da Fifa. Eu creio que, dado o tempo transcorrido e o fato de que ainda não se confirmou, pensaria que é melhor imaginar que vai ser um Mundial com 32. Se eu estivesse em uma associação membro hoje, não teria ilusões. O concreto é de 32. Não por saber mais que você. Depois de tanto tempo, não se avançou e estamos pertinho de começar as Eliminatórias. Mas quanto mais seleções sul-americanas na Copa, melhor o nível do Mundial – pontuou o dirigente paraguaio.

Fonte: O Globo

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Gigante. Confira os novos planos!

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠