Valentim, do Vasco, ignora time misto de rival: “Campeonato não termina amanhã”


Na véspera do clássico contra o Flamengo, o técnico Alberto Valentim afirmou que o Vasco não mudará sua forma de jogar em função de eventuais mudanças no rival por conta dos jogos pela Libertadores. Ele disse que está preparando a equipe para enfrentar o Flamengo, time misto ou não.

– Estamos preparando o Vasco para enfrentar independente do jogador que começar (no Flamengo). Eles tem esse jogo no meio da Libertadores. Ouvimos que podem usar time misto, mas estamos nos preparando para jogar contra o Flamengo – disse o treinador.

Valentim completou que, mesmo com a possibilidade de enfrentar reservas rubro-negros, nada muda o significado de uma vitória no clássico:

– Se acontecer de nós vencermos, com todo respeito ao Flamengo, vamos ganhar do Flamengo. Vamos jogar contra o Flamengo, é um dos elencos mais fortes da América do Sul

Ele negou que seja um jogo de afirmação para os cruz-maltinos:

– Não é jogo de afirmação nenhuma. Estamos no início de um trabalho, estamos crescendo a cada dia. Isso é nítido. Independente do resultado, vamos continuar buscando essa evolução, sem deixar que nada atrapalhe.

Veja os principais trechos da entrevista de Alberto Valentim no Vasco:

Expectativa

– Dias diferentes os que antecedem o clássico. Aqui no Rio, em Minas, em São Paulo. Tem uma expectativa maior no começo da semana. Preparação diferente, com certeza. Para todos, principalmente para os jogadores.

Responsabilidade

De maneira alguma (aumenta a responsabilidade do Vasco contra time reserva do Flamengo). Se o Flamengo jogar com o time titular e nós ganharmos, não vamos pular mais por isso. Vamos com muita razão independente de quem jogar. Nosso campeonato não termina amanhã.

Intervalo

Tratando de jogar sábado e na próxima quinta, o treinador ganha dois dias. Acredito que não tenhamos problema em recuperar os jogadores para enfrentar o Avaí.

Ajuda a Maxi

Passar confiança. A melhor forma de ajudar os jogadores a estarem confiantes é fazer com que treinem ao máximo, exigir, cobrar para que se entreguem. Eles têm que sair exaustos do treino. O Maxi está bem. Treinou a semana inteira e está à disposição para o jogo.

Jogo a jogo

Eu penso muito no jogo. Não fiz teste. Esse jogo agora estamos trablahando em cima disso. Dentro daquilo que acho, vendo o nosso time e o Flamengo. Vamos com um time buscando ser o mais forte.

Base mantida

Esse ano a minha permanência e da maioria dos jogadores importantes, com a chegada nas posições necessárias, fica muito mais fácil continuar o trabalho que vinha sendo feito no ano passado. Se vocês pegarem alguns jogos do ano passado, o jogo deste ano é muito parecido, pela questão defensiva, a compactação. Continuando o trabalho, fica muito fácil, encurta o processo de adaptação.

Pikachu

Pikachu vinha bem, mas a gente precisava aproveitar que o Rossi vinha bem para dar minutos a ele. A gente vai procurar usar os 11 jogadores com aquilo que a gente acha que encaixa bem contra o Flamengo.

Relacionados

Eu vou levar 23 jogadores. Todos têm que estar muito prontos para jogar. Eles têm que se sentir importantíssimos, assim como aqueles que vão começar o jogo. Conto muito com o pessoal que vai entrar.

Marrony e Rossi

Marrony, se tivesse jogado o penúltimo jogo, talvez eu o tivesse tirado também. Está muito bem, assim como o Rossi, que está se igualando na parte física.

Estilo de jogo

A gente só não vai verticalizar o jogo quando o rival não der chance. Para fazer isso, depende da característica de quem está construindo a jogada. As regras dos nossos treinos são feitas para alternar posse com verticalização. Peço sem pressa, mas com dinâmica.

Galhardo e Bruno César

Os dois são camisas 10. Galhardo consegue fazer um vaivém melhor que o Bruno, por características físicas, tem bola aérea melhor. Bruno talvez tenha penúltima bola de mais vezes de qualidade. Galhardo conduz mais a bola. Bruno tem bola parada.

Título

Quero ser campeão aqui no Vasco. Quero muito. O grupo merece muito, a diretoria está fazendo de tudo para nos dar a melhor condição de trabalho. Temos que trabalhar muito para fazer isso acontecer. Peço aos jogadores que lembrem disso a cada segundo do treino.

Fonte: globoesporte

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Gigante. Confira os novos planos!

  •  
  •  

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠