Fernando Miguel cita Libertadores ao comentar a semana sem jogos: “Desejar não ter ano que vem“


Depois de um início de ano bem intenso, o Vasco ganhou a semana inteira para trabalhar até a partida do próximo sábado, às 16h30 (de Brasília), contra o Boavista, em São Januário. Mas nem todo muito está “satisfeito” com isso. Na coletiva antes do treino desta terça-feira, o goleiro Fernando Miguel disse que preferia estar em campo e citou a Libertadores.

– Não queria ter a semana de folga. Se a gente não tem jogos na semana, é que tem outra competição acontecendo. Eu queria estar na Libertadores com o Vasco. A gente precisa querer estar sempre dentro de campo. Desejar não ter essa folga ano que vem.

Nesse período do ano,Para que o Vasco possa terminar o ano com uma vaga na competição, o time precisa manter o rendimento inicial, mas sabe que no Campeonato Brasileiro a competitividade aumenta bastante. Para Fernando Miguel, o modo de trabalho do técnico Alberto Valentim ajuda.

– Temos concentrado nosso empenho no coletivo e na ideia de jogo do Alberto. Procurar melhorar sempre. A gente tem dado o respeito que toda equipe merece. O conjunto melhorou e está ciente do que tem que ser feito. É muito claro para todos que a ideia de jogo do Alberto não é para 11, mas para todos. Todos são importantes no contexto e isso tem sido mostrado nas partidas. Acredito que será assim durante o ano

CONFIRA MAIS TÓPICOS DA COLETIVA
Invencibilidade no ano

É ótimo. Não perder é ótimo. A equipe tem se mostrado muito segura. Prefiro assim, evoluir vencendo. Ninguém está sentando em cima de invencibilidade e queremos sempre melhorar.

Afirmação no gol do Vasco

Grandes goleiros passaram pelo Vasco e potencializaram o nome deles através do Vasco. Vi o Carlos Germano jogando, o Acácio um pouco menos, mas sei da história. Espero junto com eles seguir nessa evolução para ficar na memória do torcedor. Espero escrever meu nome e que possa ficar guardado. Fico feliz de pode avançar. Quando o jogador recebe esse carinho do torcedor, ele sabe que está andando no caminho certo. Vim para escrever a minha história, mas não vou me emocionar. Preciso viver o dia a dia. as equipes disputam a pré-libertadores. O Atlético-MG, por exemplo, joga nesta quarta-feira.

Para que o Vasco possa terminar o ano com uma vaga na competição, o time precisa manter o rendimento inicial, mas sabe que no Campeonato Brasileiro a competitividade aumenta bastante. Para Fernando Miguel, o modo de trabalho do técnico Alberto Valentim ajuda.

– Temos concentrado nosso empenho no coletivo e na ideia de jogo do Alberto. Procurar melhorar sempre. A gente tem dado o respeito que toda equipe merece. O conjunto melhorou e está ciente do que tem que ser feito. É muito claro para todos que a ideia de jogo do Alberto não é para 11, mas para todos. Todos são importantes no contexto e isso tem sido mostrado nas partidas. Acredito que será assim durante o ano

CONFIRA MAIS TÓPICOS DA COLETIVA
Invencibilidade no ano

É ótimo. Não perder é ótimo. A equipe tem se mostrado muito segura. Prefiro assim, evoluir vencendo. Ninguém está sentando em cima de invencibilidade e queremos sempre melhorar.

Afirmação no gol do Vasco

Grandes goleiros passaram pelo Vasco e potencializaram o nome deles através do Vasco. Vi o Carlos Germano jogando, o Acácio um pouco menos, mas sei da história. Espero junto com eles seguir nessa evolução para ficar na memória do torcedor. Espero escrever meu nome e que possa ficar guardado. Fico feliz de pode avançar. Quando o jogador recebe esse carinho do torcedor, ele sabe que está andando no caminho certo. Vim para escrever a minha história, mas não vou me emocionar. Preciso viver o dia a dia.

Fonte: globoesporte

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Gigante. Confira os novos planos!

  •  
  •  

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠