Sem Maxi López e Bruno César, Vasco encara o Madureira na estreia do Estadual


Além de Bruno César, Maxi López também desfalcará o Vasco na partida deste sábado, às 16h50, contra o Madureira, em Conselheiro Galvão. O camisa 11 será poupado da partida para seguir com o trabalho específico de pré-temporada.

De acordo com Valentim, o alto número de lesões que o Vasco teve na temporada passada pesou para que comissão técnica e departamento científico adotassem uma postura mais cautelosa neste começo de 2019.

— Fizemos testes e chegamos a um consenso com a fisiologia que seria necessário prolongar o tempo de preparação de alguns jogadores.

Ainda assim, ele prometeu um Vasco com a iniciativa das ações contra o Madureira. Mesmo com pré-temporada curta, Valentim gostou dos resultados dos treinamentos em Atibaia (SP).

Time entre o velho e o novo

A espinha dorsal do Vasco que se firmou no fim do ano passado permanece lá, à disposição do técnico Alberto Valentim — Werley, Leandro Castan, Andrey, Thiago Galhardo, Yago Pikachu, Maxi López. O que gira em torno dessa base é que mudou bastante. Os novos jogadores oriundos do sub-20 e, principalmente, os oito reforços contratados nesta janela de transferências, mudaram bastante o leque de opções do treinador. É justamente nessa mescla entre o que já existe de concreto no elenco e as alternativas que estão surgindo que o time de São Januário se escora para fazer um bom Estadual.

Entre as novas opções, nenhuma gera maior expectativa do que Bruno César. O meia de 30 anos contratado por duas temporadas veio do Sporting, de Portugal, e trouxe na bagagem seu currículo e a esperança dos vascaínos em ter uma referência no meio de campo. O meia tem sido tratado com carinho pela comissão técnica, tanto que será poupado da partida de hoje, contra o Madureira, para aprimorar a parte física. A ideia do clube é tê-lo em plenas condições mais à frente na temporada.

Sem a pressão que sofria ano passado, quando assumiu o Vasco com a missão de evitar o rebaixamento no Brasileiro, Alberto Valentim espera quitar uma espécie de dívida que tem com o clube da Colina. Ano passado, ele era o técnico do Botafogo, campeão estadual em cima do Vasco nos pênaltis, depois de marcar o gol de empate aos 49 minutos do segundo tempo.

Se conseguir, Alberto Valentim será o primeiro técnico a ser bicampeão consecutivo do Campeonato Estadual desde Abel Braga, que venceu a competição em 2004, pelo Flamengo, e no ano seguinte à frente do Fluminense.

— Nossa expectativa é muito grande em buscar um grande ano e esse primeiro objetivo nosso, o título do Carioca.

Fonte: Extra

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Gigante. Confira os novos planos!

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠