Vasco ganha opções para cobranças de falta e reforços exaltam Ramon Menezes

Ramon Menezes fez história pelo Vasco marcando muitos gols de falta (Foto: Carlos Gregório Júnior/Vasco.com.br)

Em 2018, o Vasco não marcou nenhum gol em cobrança de falta. Para a nova temporada, a diretoria trouxe jogadores que tem esse quesito como uma especialidade. São os casos dos laterais Cláudio Winck e Danilo Barcelos, do volante Fellipe Bastos e do meia Bruno César. Além dos que estarão dentro de campo, quem chegou para 2019 foi o auxiliar Ramon Menezes, que quando jogou tinha nas cobranças de falta um grande trunfo. É ele quem vem trabalhando este fundamento com os jogadores e falou sobre qual era o segredo para marcar tantos gols de falta.

– Bola parada decide jogos. O segredo é treinamento. Repetição. Treinar muito. Sem dúvida nenhuma nós vamos sentar, conversar e arrumar uma maneira, um tempo para que o jogador se dedique a este fundamento. Temos jogadores com essas características. Chegaram nomes que tem essa qualidade. Durante os treinamentos nós vamos analisar e ver quem será o cobrador – disse o auxiliar.
Dos quatro nomes contratados, todos tem características distintas para bater na bola. Bruno César gosta mais das cobranças de pequena distância. Já Danilo e Cláudio Winck também cobram as faltas mais próximas, mas preferem as de média distância, enquanto Fellipe Bastos prefere de média e principalmente longa distância. O Site Oficial conversou com os jogadores sobre este assunto. Confira o que cada um falou:
BRUNO CÉSAR
Meia prefera cobranças mais próximas do gol (Foto: Carlos Gregório Júnior/Vasco.com.br)
“Eu acho que esse ano vai sair o gol. Chegaram muitas opções. Tanto eu, quanto o Bastos, o Danilo também bate muito bem na bola. A minha característica é das faltas em pequena distância. O Bastos e o Danilo, por exemplo, já batem de média e longa distância. O importante é que esse ano chegaram vários jogadores de qualidade para ajudar nesse fundamento.
Sabemos da qualidade que o Ramon tinha para bater falta. Era um dos grandes cobradores da época em que ele atuava. É importante ter um cara desse para nos orientar e fazer o melhor pelo Vasco.”
FELLIPE BASTOS
Fellipe prefere faltas de longa distância e lembrou de gol em 2012 (Foto: Carlos Gregório Júnior/Vasco.com.br)
“Acho que falta é treinamento. Tem talento também, mas é muito treinamento e repetição. No jogo você só tem uma ou duas chances e precisa estar bem treinado para executar. Minha cobrança é mais de média e longa distância. Eu também treino mais próximo do gol, mas aqui temos jogadores de qualidade pra essa distância. A que eu mais gosto é da intermediária, um pouco para trás. O gol contra o Botafogo, no Carioca de 2012, foi um gol importante e é um dos mais bonitos da minha carreira.
O Ramon eu acompanhei bastante a carreira dele. Por ser vascaíno e por acompanhar o Vasco, eu sempre acompanhei ele, Juninho, Pedrinho… depois ele jogou no Atlético, Botafogo e eu lembro que ele fazia muitos gols de falta. Vou absorver tudo que ele falar pra mim para que no jogo eu consiga fazer 10% do que ele fez pelo clube.”
CLÁUDIO WINCK

 

Cláudio Winck gosta de misturar força e jeito (Foto: Carlos Gregório Júnior/Vasco.com.br)
“Bola parada é uma das minhas características. Chegaram vários outros jogadores que tem essa qualidade. Temos treinado bastante com o Ramon, que foi um grande cobrador de faltas e esperamos que saiam bastante gols de falta. Ele já deu algumas dicas. Disse pra esperar bem antes de cobrar, concentrar, respirar, esperar o goleiro. Prometo treinar bastante para quando pintar a oportunidade, poder fazer o gol. Eu prefiro na média distância, que consigo colocar um pouco mais de força. Perto tem que ser mais colocado.”
DANILO BARCELOS
Danilo Barcelos fez alguns gols de falta em 2018 pela Ponte Preta (Foto: Carlos Gregório Júnior/Vasco.com.br)

“Nos últimos anos eu venho treinando bastante as cobranças de falta. Pude falar um pouco na minha entrevista de apresentação. A bola parada faz diferença. Tanto frontal quanto lateral. Eu trabalho muito isso. Não posso cravar que vai ter gol todo jogo, mas garanto que vou trabalhar bastante e quando tiver a oportunidade eu consiga marcar. É sempre bacana e especial. O segredo é repetição.”

Fonte: Site Oficial do Vasco

== Escreva um comentário ==

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Torcedor Gigante. Confira os novos planos!