Comitê gestor do futebol do Vasco não vem se reunindo; Campello vem acumulando a função VP de futebol

Alexandre Faria e Alexandre Campello definem os rumos do futebol sem o comitê gestor

A ideia de ter um comitê gestor para comandar o futebol do Vasco durou pouco. Cerca de quatro meses após ser instituído, o grupo perdeu força e não se reúne mais.

No momento, quem toma as decisões finais da pasta é o presidente Alexandre Campello, que acumula a vice-presidência, auxiliado por Alexandre Faria, diretor de futebol.

No início, o conselho era formado pelos vice-presidentes Bruno Maia (Marketing), Paulo Ganime (Gestão Estratégica), Rogério Peres (Jurídico) e João Marcos Amorim (Finanças), além de Campello. O diretor de futebol, Alexandre Faria, era subordinado e se reportava ao grupo.

Entretanto, a dinâmica do futebol, que exige decisões rápidas, especialmente em épocas de negociação, desarticulou o conselho. Os VPs costumavam se reunir somente em momentos decisivos, como contratações ou demissões.

Com o Vasco lutando contra o rebaixamento, Campello vinha sofrendo pressão para apontar um vice-presidente de futebol. Ele, porém, tem se mostrado reticente quanto à ideia e prefere seguir acumulando a pasta. Recentemente, ele apontou um novo VP médico, Antonio Vitor de Abreu.

Fonte: GloboEsporte.com

== Escreva um comentário ==

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Torcedor Gigante. Confira os novos planos!