Alberto Valentim afirma que vai buscar recuperação do Vasco: ‘Vamos para a guerra’

Belo Horizonte – À frente do Vasco por três jogos, Alberto Valentim e seus comandados enfrentaram o América-MG nesta quinta-feira. O resultado não foi o esperado, tendo a partida terminado em 2 a 1, a terceira derrota desde que o Valentim assumiu o cargo de treinador. Para ele, ainda que o clube esteja próximo da zona de rebaixamento, é importante olhar para o futuro de forma otimista.

“Faltam muitos jogos. O Vasco é muito grande. Não podemos carregar o peso de anos anteriores em que o Vasco caiu. Vamos nos abraçar de uma forma que vocês não têm ideia. Vamos para a guerra neste campeonato. Estamos tristes, mas vamos recuperar”, discursou.

O comandante do Cruzmaltino ressalta a importância de usar a má fase como aprendizado para se blindar e não cometer os mesmos erros daqui para frente.

“Nós vamos nos blindar de um Vasco de anos anteriores. Vamos trabalhar, vamos reagir. Precisamos criar mais. Os jogadores sabendo que daqui a pouco temos que reagir. É no domingo já”, afirmou Valentim.

“Nós precisamos nos unir. O torcedor está insatisfeito. Temos que ter personalidade. Não estamos bem classificados. Temos que conversar, mostrar o que está errado. Não dá tempo de treinar muito. É absorver o mais rápido possível. Não dá tempo de lamentar”, completou.

O técnico contou ainda que é preciso trabalhar de forma mais direta e tentar conhecer melhor cada jogador para fazer as melhores escolhas.

“Só não estou trabalhando quando estou dormindo. Eu tenho dormido pouco. Vamos nos conhecer rapidamente. Vamos fazer isso no jogo contra o Vitória. É trabalhar mais”, desabafou.

O próximo compromisso do Vasco é no domingo contra o Vitória.

Fonte: O Dia

== Escreva um comentário ==

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Torcedor Gigante. Confira os novos planos!