Sem desespero, com preocupação: elenco do Vasco liga alerta no BR

Um dos nomes mais experientes, lateral-esquerdo Ramon destacou a necessidade de a equipe conquistar sete vitórias nos 17 jogos que restam para escapar do Z4 no Brasileiro

Neste meio de semana o Vasco corre o risco de entrar pela primeira vez na zona de rebaixamento após 16 meses afastado. O elenco comandado pelo técnico Alberto Valentim sabe do momento delicado que vive no Campeonato Brasileiro, admitem a preocupação, mas sem desespero. Os rumos dos trabalhos colocados em prática nesta semana, com regime de concentração desde o último domingo até a próxima segunda-feira, dão base para a busca pela recuperação da equipe na temporada, em um momento considerado crucial por todos que passam por São Januário.

Com 24 pontos, na 16ª posição, o Vasco está a apenas um ponto do Sport, primeiro time dentro da zona da degola do Brasileiro. A última vez que o Cruz-Maltino esteve entre os quatro últimos da competição foi na estreia da edição de 2017, ao perder por 4 a 0 para o Palmeiras. Na noite desta quarta, o Sport enfrenta o Bahia e se vencer, já empurra o Cruz-Maltino para o Z4 – e neste cenário, os vascaínos já entrariam em campo na noite de quinta, contra o América-MG, com uma maior pressão pela vitória.

A meta do Vasco nos jogos desta semana é de ao menos conquistar quatro pontos dos seis em disputa – além do América-MG nesta quinta, a equipe duela contra o Vitória no domingo. Um dos nomes mais experientes do elenco cruz-maltino, o lateral-esquerdo Ramon foi incisivo ao falar sobre o assunto. O defensor, que deve estar de volta ao time titular após um período em recuperação de dores, aproveitou a oportunidade para falar que há a necessidade de o Vasco conquistar sete vitórias nos 17 jogos que ainda irá disputar para não cair pela quarta vez.

– Não é desesperador, mas preocupante, porque nossa equipe não tem elenco para estar onde está. Pensando no pior, precisamos de sete vitórias em 17 jogos para fazermos 45, 46 pontos (para não sofrer o quarto rebaixamento). É óbvio que isso passa pela nossa cabeça. Falar que isso não nos preocupa? Preocupa, sim. Sabemos que temos condições de terminar o campeonato como no ano passado. Ter uma arrancada agora, ter uma boa sequência de jogos. Esses próximos dois jogos são importantíssimos, porque temos que somar quatro pontos – afirmou Ramon.

Os trabalhos realizados pelo técnico Alberto Valentim vêm sendo neste sentido, para que o Vasco consiga se recuperar e permanecer na elite do Campeonato Brasileiro na próxima temporada. A situação não é vista como tranquila, mas há a ciência da capacidade de todos os jogadores de que podem render de uma melhor forma, terminando o ano sem perigo, apesar de também não na forma que a torcida vascaína espalhada pelo mundo espera, que é brigar pela parte de cima da tabela. A maior preocupação, neste momento, tem de ir além da fuga da degola para um futuro de reconstrução, melhor.

Fonte: Lance

== Escreva um comentário ==

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Torcedor Gigante. Confira os novos planos!