Vasco perde ‘caldeirão’ sem São Januário, mas Maracanã segue nos planos

Os responsáveis pela administração do Maracanã entraram em contato com o Vasco na última semana de olho em uma nova parceria. Mesmo com o clube tendo São Januário como casa, a diretoria gostou da ideia e pensa em fazer um contrato longo.

O primeiro teste após as negociações ocorreu no último sábado, quando o Vasco recebeu o Santos, no Maracanã. A derrota por 3 a 0 representou uma ducha de água fria na torcida, que fez sua parte e colocou mais de 30 mil no estádio.

O problema é que a atuação foi uma das piores da equipe na temporada. Além de não oferecer perigo ao adversário, foi facilmente dominado e derrotado com certa tranquilidade.

Longe de São Januário, o Vasco perdeu o efeito ‘caldeirão’. Em casa, o time havia sido derrotado em apenas duas oportunidades nesse Brasileiro – Vitória e Botafogo. O Cruzmaltino soma seis triunfos e dois empates em seu estádio.

Além disso, é preocupante o fato de o Vasco ter sido derrotado nos dois jogos que mandou fora de São Januário. O primeiro foi contra o Corinthians, em Brasília, onde foi derrotado por 4 a 1. Por fim, o revés por 3 a 0 para o Santos, no Maracanã.

Apesar disso, o técnico Alberto Valentim foi bem claro ao dizer que a situação será definida pela diretoria. Entre jogar no Maracanã ou em São Januário, o treinador, no entanto, não ficou em cima do muro e deu sua opinião.

“Essa é uma decisão da diretoria, mas claro que se eu puder escolher, prefiro o Maracanã. Aqui cabem mais vascaínos e precisamos trazer eles para o nosso lado. O Vasco é um clube capaz de lotar o Maracanã e por isso acho ótimo jogar lá. Mas repito que essa é uma decisão da diretoria”, disse o treinador do Cruzmaltino, Alberto Valentim.

A diretoria, por sua vez, ainda não se decidiu sobre o local onde o Vasco mandará suas partidas. Porém, a tendência é que o contrato seja assinado com o Maracanã para que os jogos de grande apelo sejam disputados com maior público. Jogos com menor potencial de público seriam mantidos em São Januário.

A decisão desagrada boa parte dos torcedores, que vê em São Januário a casa do Vasco – o que daria um ganho técnico à equipe. Mesmo que o estádio suporte apenas 20 mil torcedores, há um sentimento de que a pressão para os adversários é maior.

Fonte: Uol

== Escreva um comentário ==

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Torcedor Gigante. Confira os novos planos!