As 10 decisões marcantes entre Botafogo e Vasco

Mais uma decisão a caminho…

1 | 11 – Botafogo e Vasco se enfrentam neste domingo, no NIlton Santos, em jogo válido pela Taça Rio. História do clássico é marcada por embates emocionantes e com sucessão de curiosidades, em finais de turnos e até por decisões do Campeonato Carioca.

2 | 11 – Botafogo 3×1 Vasco – Campeonato Carioca de 1948
Não teve chance para o Expresso da Vitória no Campeonato Carioca de 1948. Implacável, o Botafogo de Nilton Santos, Pirilo e Braguinha se impôs e garantiu o triunfo por 3 a 1 na primeira decisão entre os clubes. Paraguaio, Braguinha e Otávio garantiram o título, enquanto Ávila (contra) fez para os vascaínos.

3 | 11 – Vasco 2×0 Botafogo – Taça Guanabara de 1965
A primeira edição da Taça Guanabara, tradicional torneio do Rio de Janeiro, foi decidida em um embate entre Botafogo e Vasco. E, desta vez, os vascaínos levaram a melhor. Oldair e Paulistinha (contra) garantiram o triunfo por 2 a 0 sobre o Alvinegro de Garrincha. Brito foi o primeiro capitão a erguer uma Taça Guanabara na história.

4 | 11 – Botafogo 4×0 Vasco – Campeonato Carioca de 1968
Só que a geração de Garrincha estava avassaladora e, em 1968, mostrou que não daria chance ao Vasco na final do Campeonato Carioca. Roberto e Rogério abriram o placar na etapa inicial e, em seguida, Jairzinho surgiu como um furacão para marcar o terceiro. A maestria de Gerson encerrou a contagem.

5 | 11 – Vasco 2×0 Botafogo – Taça Guanabara de 1977
O Vasco traçou seus primeiros passos para um Estadual de 1977 conquistado de forma irretocável (de maneira invicta, com apenas cinco gols sofridos) com um triunfo sobre o Botafogo marcado por polêmica. Roberto Dinamite deixara a equipe em vantagem no Maracanã. Minutos depois, os botafoguenses reclamaram de um suposto pênalti de Orlando Lelé sobre Paulo Cezar Caju. A jogada seguiu e, no contra-ataque, Dinamite decretou o 2 a 0 do título.

6 | 11 – Botafogo 1×0 Vasco – Campeonato Carioca de 1990
A final do Campeonato Carioca de 1990 deu o que falar… até fora dos gramados. Em 90 minutos de um bom jogo, Carlos Alberto Dias garantiu o triunfo por 1 a 0 do Botafogo. Porém, o Vasco interpretou que o regulamento exigia uma prorrogação caso os botafoguenses atuassem. Após 30 minutos de festa alvinegra, os vascaínos também deram uma volta olímpica, mas com caravela de papel. Na Justiça, o título acabou nas mãos do Botafogo.

7 | 11 – Botafogo 1×0 Vasco – Campeonato Carioca de 1997
Os botafoguenses vinham engasgados com a provocação de Edmundo na vitória por 1 a 0 do jogo de ida, na qual o camisa 10 promoveu uma “dança da bundinha” diante de Gonçalves. Mas, na decisão, quem ditou o ritmo foi o Botafogo: lutando muito, a equipe chegou à conquista com um gol de Dimba no finzinho, decretando 1 a 0.

8 | 11 – Botafogo 2×0 Vasco – Taça Guanabara 2010
O Vasco aplicara uma sonora goleada por 6 a 0 sobre o Botafogo na fase de grupos. Porém, na final da Taça Guanabara de 2010, quem riu por último foi o Botafogo. A equipe, que reagira sob o comando de Joel Santana, deu um show no Maracanã, sem chances para o adversário. Fábio Ferreira abriu o marcador com gol de cabeça, e Loco Abreu, cobrando pênalti, decretou o triunfo por 2 a 0 na decisão da Taça GB. A equipe ainda ganhou a Taça Rio depois…

9 | 11 – Botafogo 3×1 Vasco – Taça Guanabara de 2012
Uma gandula roubou a cena em uma final de Taça Guanabara entre Botafogo e Vasco. Fernanda Maia repôs a bola rapidamente e, na cobrança de lateral, Márcio Azevedo, os alvinegros iniciaram a jogada que gerou o primeiro gol do Botafogo, marcado por Loco Abreu. O uruguaio (outra vez) e Maicosuel marcaram os outros, e Carlos Alberto fez para o Vasco, decretando o triunfo por 3 a 1 no Nilton Santos.

10 | 11 – Botafogo 1×2 Vasco – Campeonato Carioca de 2015
O Vasco esbarrava no estigma de nunca ter vencido o Botafogo em finais de Carioca. Mas tabus existem para ser quebrados, e foi o que aconteceu em grande estilo na decisão de 2015. Rafael Silva, que garantira o 1 a 0 na ida, abriu caminho no jogo de volta. Diego Jardel igualou e, em um fim de jogo dramático, Gilberto decretou o título vascaíno, pondo fim a 12 anos de jejum do cruz-maltino no Campeonato Carioca.

11 | 11 – Vasco 1×1 Botafogo – Campeonato Carioca de 2016
O Vasco abrira vantagem no primeiro jogo, com o 1 a 0 marcado por Jorge Henrique. Em um Maracanã lotado (e aberto apenas para as finais em ano de Olimpíada), o Botafogo batalhou muito e saiu na frente, com Leandrinho. Mas coube a um herói improvável traçar a rota da caravela para o título. Rafael Vaz, que entrara no lugar do lesionado Luan, surgiu na defesa botafoguense e cabeceou para a rede, decretando o empate em 1 a 1. Invicto, o Vasco tinha um bicampeonato.

Fonte: LANCENET!

== Escreva um comentário ==

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Torcedor Gigante. Confira os novos planos!