Palmeiras acena com R$ 13 milhões por defensor do Coritiba, mas salário trava e prioriza Luan, do Vasco

O Palmeiras se antecipa a uma possível negociação e está no mercado atrás de um nome para a sua defesa.

A exemplo da última temporada, os atuais campeões brasileiros voltaram à carga para trazer o zagueiro Juninho, do Coritiba. O diretor do time do Couto Pereira, Alex Brasil, esteve recentemente em São Paulo para tratar do crédito de R$ 1,8 milhão que assegurou na venda do meia Raphael Veiga e foi abordado sobre a situação da revelação de 22 anos e a sua possível venda.

A princípio, não está descartado o acordo.

A conversa travou, no entanto, na pedida feita pelo atleta, considerada elevada pelo representantes paulistas. Existe interesse do exterior também.

Com assédio de Lyon, Dínamo Kiev e Flamengo, Juninho renovou contrato em 2016 e foi valorizado pela cúpula coxa-branca.

Ele tem o seu comportamento destacado e uma eventual queda de braço, como aconteceu com Veiga, é descartada internamente. O discurso do Coritiba é de que são feitas consultas com frequência.

Com dificuldade, o Palmeiras deve concentrar as suas atenções em Luan, do Vasco. A lesão do prata da casa Thiago Martins, a nova ofensiva da Fiorentina por Victor Hugo e o assédio sobre o colombiano Mina, cuja permanência é garantida somente até dezembro, estão por trás da caça do clube.

Patrocinadora alviverde, a Crefisa se dispôs a colaborar na vinda do reforço para o setor defensivo de Eduardo Baptista.

Fonte: ESPN

== Escreva um comentário ==

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Torcedor Gigante. Confira os novos planos!