Erro de juiz pode levar a escalação irregular de Jomar contra o Boavista

O Vasco encara o Boavista, nesta quinta-feira, em São Januário, pela 5ª rodada da Taça Rio, em um jogo importante na busca pela classificação para as semifinais do Campeonato Carioca – o SporTV transmite o duelo ao vivo a partir das 21h30. A equipe, no entanto, pode acabar escalando irregularmente o zagueiro Jomar para o jogo. O repórter do SporTV William Kayser descobriu que o jogador foi relacionado para o duelo mesmo tendo três cartões amarelos – o clube conta com a informação de que ele tem apenas dois.

Questionado pela produção do SporTV sobre o caso, o Vasco alegou que se baseia nas informações das súmulas dos jogos, segundo as quais o defensor, oficialmente, possui apenas dois cartões amarelos. A confusão se deu por causa de um erro no registro da partida do Cruz-Maltino contra o Botafogo, terminada em 0 a 0, pela 2ª rodada da Taça Rio.

Jomar recebeu amarelo nos jogos contra o Macaé, Botafogo e Flamengo. Mas a súmula do duelo contra o Alvinegro, no entanto, aponta cartão para Rafael Marques, equivocadamente assinalado como dono da camisa 3. O registro foi uma confusão do árbitro Grazianni Maciel Rocha, que confundiu Jomar, que vestia a camisa 3, com o seu companheiro de zaga, dono da 4.

As imagens da transmissão da partida mostram claramente que quem recebeu o cartão foi Jomar, aos cinco minutos do segundo tempo, por discutir com o alvinegro Roger. Na lista inicial impressa de escalação do Vasco, no entanto, Rafael Marques aparece como camisa 3, e Jomar, com a 4. Os dois acabaram atuando com os números trocados.

A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) ainda não se pronunciou, mas o Vasco declarou que se baseia em informações da entidade, que constam nas súmulas das partidas. Com os desfalques dos titulares Rodrigo e Luan, machucados, o treinador Milton Mendes tem escalado Jomar e Rafael Marques na dupla de zaga.

Jomar recebeu amarelo nos jogos contra o Macaé, Botafogo e Flamengo. Mas a súmula do duelo contra o Alvinegro, no entanto, aponta cartão para Rafael Marques, equivocadamente assinalado como dono da camisa 3. O registro foi uma confusão do árbitro Grazianni Maciel Rocha, que confundiu Jomar, que vestia a camisa 3, com o seu companheiro de zaga, dono da 4.

As imagens da transmissão da partida mostram claramente que quem recebeu o cartão foi Jomar, aos cinco minutos do segundo tempo, por discutir com o alvinegro Roger. Na lista inicial impressa de escalação do Vasco, no entanto, Rafael Marques aparece como camisa 3, e Jomar, com a 4. Os dois acabaram atuando com os números trocados.

A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) ainda não se pronunciou, mas o Vasco declarou que se baseia em informações da entidade, que constam nas súmulas das partidas. Com os desfalques dos titulares Rodrigo e Luan, machucados, o treinador Milton Mendes tem escalado Jomar e Rafael Marques na dupla de zaga.

Súmula aponta camisa Rafael Marques com a 3 de Jomar (Foto: Reprodução SporTV)Súmula aponta camisa Rafael Marques com a 3 de Jomar (Foto: Reprodução SporTV)
Fonte: Seleção SporTV

== Escreva um comentário ==

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Torcedor Gigante. Confira os novos planos!