Vasco se inspira em recuperação de Guiñazu para superar Macaé e 1º tropeço


Guiñazu teve recuperação recorde de lesão e volta a liderar o Vasco dentro de campo
 
 
A recuperação surpreendente de Guiñazu – que volta a jogar após passar por artroscopia no joelho esquerdo há pouco mais de duas semanas – serve como inspiração para o Vasco. O clube cruzmaltino enfrenta o Macaé com o volante argentino como titular a partir das 19h30 desta quinta-feira, em São Januário. O objetivo é se espelhar no capitão do time para superar o adversário e deixar o primeiro tropeço no Campeonato Carioca para trás.

Guiñazu se lesionou no amistoso realizado em Manaus com o Flamengo, no dia 21 de janeiro. A entorse no joelho durante a pré-temporada do clube demandou em cirurgia e preocupou o Vasco, que pensava em perder o volante por até 45 dias. O retorno acontece bem antes do esperado. O argentino volta com moral e tenta liderar o time em campo.

Com sete pontos, o Vasco volta a São Januário para se recuperar de empate com Tigres do Brasil na última rodada do Estadual. O time comandado por Doriva tem sete pontos na tabela e irá enfrentar um adversário que teve o mesmo desempenho nas primeiras três rodadas do torneio.

O retorno de Guiñazu é tratado pelo elenco como combustível para encarar o Macaé, em desafio tratado como complicado. “É um jogador muito importante, dentro e fora de campo, pela sua liderança e pelo profissionalismo. Fico contente pela recuperação dele”, afirmou o goleiro Martin Silva.

Outro jogador que tem retorno cercado de expectativas é o lateral direito Nei. De volta ao grupo principal do Vasco após 2014 afastado por decisão da antiga cúpula cruzmaltina, o jogador ganhou aval de Eurico Miranda para ser aproveitado por Doriva. Na posição, o treinador perdeu Jean Patrick e Madson – ambos lesionados – e Bruno Ferreira – emprestado ao Bragantino.

Com menos três opções para a lateral direita, Nei está confirmado no time titular após longa ausência. É a chance de o jogador recomeçar em São Januário. Contratado em 2013, ele teve início ruim, virou reserva e também sofreu com lesões.

VASCO X MACAÉ
Local: Estádio São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 12 de fevereiro de 2015
Horário: 19h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda
Assistentes: Rodrigo Pereira Joia e Silbert Faria Sisquim

VASCO
Martin Silva; Nei, Luan, Rodrigo e Christiano; Guiñazu, Serginho e Bernardo; Marcinho, Montoya e Rafael Silva
Técnico: Doriva

MACAÉ
Ricardo Berna; Max, Brinner, Filipe Machado e Diego; Gedeil, Alisson, Juninho e Aloisio; Pipico e Giancarlo
Técnico: Josué Teixeira

Fonte: UOL Esporte

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Gigante. Confira os novos planos!

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠