Colônia faz apelo, e Horta articula para eleições do Vasco: "Não desisti não"


Ainda sem data de eleição marcada, o Vasco pode conhecer uma reviravolta no processo eleitoral nos próximos dias. O presidente da Unidos da Tijuca, Fernando Horta, começa a se movimentar nos bastidores para concorrer à presidência do clube. Assediado pela colônia portuguesa, o empresário retornou de Portugal neste fim de semana e tem alguns encontros marcados esta para se lançar em definitivo na disputada corrida eleitoral do clube de São Januário. 
O silêncio e os seguidos adiamentos de definição sobre sua candidatura desde o fim do carnaval carioca, quando sua escola Unidos da Tijuca foi bicampeã, fizeram com que Horta fosse considerado carta fora do baralho por concorrentes. Horta também colocou como imposição de participar das eleições que os sócios de abril de 2013 não tivessem direito a voto. O apoio de boa parte da colônia portuguesa, que ainda representa parcela grande de votos – entre sócios-eleitores e remidos -, porém, mudou um pouco sua percepção e seu discurso preliminar. Hoje, com os atuais candidatos, a tendência é de que a colônia fique com Eurico Miranda. O cenário tende a mudar com Horta no páreo.  
– Não desisti não. Estou me inteirando sobre os fatos e esta semana vamos articular isso para uma decisão – disse o presidente da Unidos da Tijuca, por telefone, ao GloboEsporte.com.
Com abertura de um empreendimento comercial em Portugal, Horta adota a estratégia de se fazer de morto ao máximo, esperando tanto a definição da lista de eleitores como o desenrolar da investigação policial que está na 17ª Delegacia de Polícia de São Cristóvão. Ele também aguarda a definição da data das eleições, que será marcada na reunião de segunda-feira que vem pelo presidente da Assembleia Geral, Olavo Monteiro de Carvalho. 
– Nunca disse que não viria candidato. Calma que eu vou vir (candidato). Não quero falar nada agora, está cedo, e também se falar que venho, vem todo mundo em cima de mim – afirmou Horta, segundo relato de interlocutores do presidente da Tijuca.
O presidente da Assembleia Geral do Vasco, Olavo Monteiro de Carvalho, marcou para a próxima segunda-feira a reunião que, enfim, deve definir a data das eleições de 2014 do clube. Hoje, há quatro pré-candidatos. Além do ex-presidente Eurico Miranda, Roberto Monteiro, Nelson Rocha e Tadeu Correia já se colocaram como alternativa nas eleições do clube. A chapa É Vasco ainda não definiu um nome para a candidatura no pleito vascaíno.
Fonte: Globo.com
Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Gigante. Confira os novos planos!

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠