Pelo estadual sub-20, Vasco derrota Madureira por 2 a 1


O sub-20 do Vasco conquistou na manhã desta sexta-feira (28/02) mais uma grande vitória na Taça Guanabara da categoria. Os Meninos da Colina foram até Aniceto Moscoso, popularmente conhecido como Estádio de Conselheiro Galvão, e superaram o Madureira pelo placar de 2 a 1. Os gols da vitória foram marcados por Guilherme Costa e Matheus Batista.
 
O triunfo diante do tricolor suburbano foi importante, porém não recolocou a equipe comandada por Sorato no grupo dos quatro primeiros. Os Meninos da Colina subiram uma posição, mas ainda se encontram um ponto atrás da primeira equipe que possui uma vaga no G4, que é o Audax. Nova Iguaçu, Flamengo e Botafogo lideram o estadual.
 

O JOGO
 
Apesar da necessidade da vitória para se manter na briga por uma vaga na semifinal, o Vasco não iniciou o jogo pressionando o Madureira. A partida se resumiu em bolas alçadas na área pela equipe da casa durante os vinte primeiros minutos. As investidas tricolores foram facilmente evitadas pelo sistema defensivo cruz-maltino.
 
O duelo começou a esquentar aos 26 minutos após o primeiro gol do Gigante da Colina. As redes foram balançadas após uma magistral cobrança de falta do meio-campo Guilherme Costa. O camisa 10 chamou a responsabilidade e colocou a bola no ângulo direito do goleiro adversário. VASCO 1 X 0.

 

O gol fez bem a equipe vascaína e também ao jogo. A vantagem no placar deu mais confiança ao Vasco, que passou a subir ao ataque com mais frequência e obrigou o Madureira a apostar nos contra-ataques.  Aos 33 minutos, o clube de Conselheiro Galvão respondeu com velocidade a uma investida cruz-maltina e acabou chegando ao gol de empate. O tento foi anotado após pênalti cometido pelo zagueiro Kadu. 1 X 1 VASCO.
 
Cinco minutos depois, aos 38, foi a vez do time de São Januário chegar ao segundo através de mais uma bola parada. Guilherme sofreu falta no flanco esquerdo, Marquinhos cobrou com perfeição e Mathues Batista empurrou a redonda para o fundo das redes. VASCO 2 X 1.
 
A partida esquentou e aos 47 minutos dois jogadores foram expulsos, dentre eles o zagueiro vascaíno Alisson. As expulsões na reta final da etapa inicial fizeram o segundo tempo começar movimentado. Guilherme Costa fez grande jogada e quase aumentou o marcador aos 15 minutos. O Madureira respondeu e só não chegou ao gol de empate na sequência graças a três belas defesas do goleiro Gabriel Félix.
 
Colocado em campo na vaga de Daniel Pessoa na segunda metade do tempo final, Wendel desperdiçou uma grande chance aos 34 minutos. O camisa 18 deu um drible de corpo no defensor adversário, entrou na grande área, bateu cruzado e viu a bola tirar tinta da trave do arqueiro do tricolor suburbano.
 
Quem também não conseguiu vencer o camisa 1 do time da casa foi Marquinhos. O camisa 11 tabelou com Wendel, saiu na cara do gol e viu seu forte chute parar nas mãos do goleiro adversário. O Madureira pressionou e chegou a ter um gol anulado aos 38 minutos, porém não conseguiu evitar a vitória do Vasco.
 
VASCO: Gabriel Félix, Eron, Alisson, Kadu Fernandes e Márcio; Matheus Batista, Lucas Barboza, Bruno Cosendey (Jonatas Paulista) e Guilherme Costa; Marquinhos do Sul e Daniel Pessoa (Wendel e depois Waldir). Técnico: Sorato.

Fonte: Site Oficial do Vasco

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Gigante. Confira os novos planos!

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠