Ambev questiona possível parceria do Vasco com marca de guaraná


Ainda sem novos patrocinadores fixos em 2014, o Vasco fechou um acordo pontual para o jogo contra a Cabofriense, neste domingo, em São Januário. A marca Guaraná Tron estará estampada nas mangas das camisas dos jogadores como forma de experimentar uma parceria que vem sendo negociada para o contrato de um ano já há algumas semanas.
 
Esta definição esbarra em valores e também em divergências internas. A Ambev, que trabalha com o clube em outro nível de divulgação, não aprovou a entrada de uma suposta concorrente. A diretoria de marketing vem tentando convencer a cervejaria de que tal relação não existe. E usa como trunfo o vínculo do Botafogo com a Guaraviton paralelamente à própria Ambev.
 
Enquanto isso, as conversas evoluem lentamente após um momento de interesse de ambas as partes que animou o Vasco. Pelo espaço na manga, vazio desde a BMG no fim de 2011, o Cruz-Maltino deseja R$ 5 milhões por temporada. Mas sua análise de mercado e a disputa da Série B deixam a marca de guaraná em dúvida se está disposta a investir a quantia.
 
A saída da Nissan, por causa da repercussão da briga generalizada na Arena Joinville, na última rodada do Brasileirão, ainda não foi reposta. A montadora japonesa exibia seu nome nas costas. O clube se reuniu com duas concorrentes produtoras chinesas de carros para dar o troco, mas a negociação promete ser longa pela distância da matriz e pelo alto número de exigências.
 
Hoje, o Vasco conta com a Caixa Econômica Federal como patrocinador master até julho (pagando R$ 14 milhões por ano) e a Tim, que está presente no número do uniforme.
 
Fonte: GloboEsporte.com
Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Gigante. Confira os novos planos!

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠