Martín Silva exaltou história do Vasco e revelou incentivo de Lodeiro, do Botafogo


O Vasco, enfim, oficializou seus primeiros reforços para a temporada 2014. No dia da reapresentação de parte do elenco em São Januário, o goleiro uruguaio Martín Silva e o volante paraguaio Eduardo Aranda, ambos ex-Olimpia, foram apresentados à imprensa. O primeiro assinou contrato de quatro anos, e o segundo, de três. 

 

A “cerimônia” começou com uma gafe do presidente Roberto Dinamite, que confundiu a nacionalidade do seu novo jogador. 

 

“Estamos muito felizes por trazer um grande goleiro, de seleção brasileira”, afirmou, referindo-se a Silva, reserva de Fernando Muslera na seleção urguaia, arrancando risos dos jornalistas presentes. 

 

Diante de algumas dificuldades linguísticas, a entrevista coletiva não durou muito, mas foi marcada por elogios da dupla ao Vasco. Mais eloquente, Silva exaltou o clube, e garantiu que a queda à Série B não pesou na escolha de vir ao Rio de Janeiro. 

 

“No momento de escolher eu penso muito na história e no prestígio que tem o clube. Ao mesmo tempo que conhecemos a proposta do Vasco a equipe estava caindo, mas isso não pesou muito na minha decisão. Sei que a grandeza não desaparece com um infortúnio desportivo como um descenso. O Vasco segue sendo grande, e vestir a camisa de um dos maiores clubes da América do Sul sempre é um grande desafio profissional. Com o grupo que estamos formando podemos voltar a triunfar”, afirmou. 

 

O goleiro ainda revelou que conversou com o meia Lodeiro, do Botafogo, de quem é companheiro na seleção uruguaia. As referências do futebol brasileiro e do Rio de Janeiro, segundo Silva, foram positivas. 

 

“Tenho muito boa relação com Nico Lodeiro. Ele me disse que o futebol brasileiro é muito competitivo, que fará muito bem à minha carreira, e que eu gostaria muito de estar aqui, de buscar novos desafios e estar em uma cidade maravilhosa, onde vou me sentir muito bem”, concluiu. 

 

Silva chega como grande aposta para a posição que mais “assombrou” o Vasco em 2013. Ele deverá assumir a titularidade de forma imediata, com Diogo Silva e o jovem Jordi como reservas. Alessandro e Michel Alves estão afastados do grupo principal, e devem deixar o clube. Já Aranda terá a concorrência de outro “gringo”, Guiñazú, além de Abuda, Baiano e Fellipe Bastos, que retorna de empréstimo da Ponte Preta. Outros jogadores da posição, Wendel, Sandro Silva e Fillipe Soutto, estão de saída de São Januário. 

 

Após realizarem exames médicos e correrem no gramado nesta segunda-feira, Silva e Aranda treinam com o restante do grupo em dois períodos nesta terça. Na quinta, o elenco viaja para Pinheiral, no sul do estado do Rio, onde será realizada a pré-temporada. A estreia no Campeonato Carioca acontece no dia 19, às 17h (de Brasília), contra o Boavista, em São Januário. 

 

Fonte: ESPN.com.br

 

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Gigante. Confira os novos planos!

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠