Força Jovem do Vasco protesta contra prisão de seu presidente: 'Legítima defesa não é crime'


No último sábado, a diretoria da torcida organizada usou uma rede social para pedir a liberdade de Bruno Fet, presidente da Força Jovem do Vasco. Em nota, a organizada alegou que agiu em legítima defesa contra os torcedores do Atlético-PR e pediu a soltura de seu presidente.

Bruno Fet, de 32 anos, estava foragido desde o dia 19 de dezembro e foi preso na noite da última sexta-feira, no Recreio dos Bandeirantes. Seu mandado de prisão foi expedido na operação “Cartão Vermelho”, responsável pela prisão, até o momento, de 22 torcedores envolvidos na barbárie da Arena Joinville, em jogo válido pela última rodada do Brasileiro.

Confira a nota na íntegra:

LEGÍTIMA DEFESA NÃO É CRIME.

BRUNO FET É PRESIDENTE DA MAIOR TORCIDA ORGANIZADA DO BRASIL, A SUA TORCIDA SEM PROTEÇÃO NENHUMA NUM JOGO DE BRASILEIRÃO DE SÉRIE A, TODOS OS ADVERSÁRIOS NO ESTÁDIO VÃO PARA CIMA DELE, O QUE FAZER, SALVAR SUA VIDA, DEFENDER SUA INTEGRIDADE FÍSICA OU DEIXAR TE BATER ATÉ A MORTE????

A JUSTIÇA TEM QUE SER FEITA, NOSSO PRESIDENTE SOMENTE SE DEFENDEU, NÃO TINHA O QUE FAZER, NÃO TEM NENHUMA IMAGEM OU FOTO DELE FAZENDO COVARDIA COM NINGUÉM, PELO CONTRÁRIO TEM IMAGEM DELE PEDINDO PARA SEUS INTEGRANTES SE AFASTAREM E PREOCUPADO COM OS MESMOS.

LIBERDADE JÁ PARA NOSSO PRESIDENTE E PARA TODOS OS INTEGRANTES DA FJV, LEGÍTIMA DEFESA NÃO É CRIME!!

LIBERDADE JÁ

Fonte: LANCENET!

Cartola FC: Liga Oficial Vascaínos Unidos
Participe: Grupo de Debates no Facebook
Curta: Fan Page VU no Facebook
Seja Sócio Gigante. Confira os novos planos!

✠ ✠ ✠ Escreva um comentário ✠ ✠ ✠